A praticidade do Tie-Dye

Sabe aquela roupa velha, branca e que você deixou de lado, abandonada porque já perdeu a graça?! Pois aqui vai uma super dica para customizar sua peça e usá-la como se estivesse nova!

Estou me referindo a uma técnica que teve seu boom no período do movimento hippie, o Tie-Dye. Os hippies eram contra o consumismo e por isso usavam roupas velhas, em função disso começaram a tingir de forma livre suas roupas, que traziam várias cores vibrantes. A cantora Janis Joplin foi uma das precursoras do Tie-Dye, mas a teoria comum é de que essa técnica nasceu na África e no Japão.

Como já diz o nome Tie = amarrar, Dye = tingir, é simples, fácil de se fazer, e o melhor: baixo custo! Havia duas camisetas brancas e lisas que usei para tingir, recomendo o corante em pó Guarany, que custa por volta de 1,50 a 2,50 R$ um frasco com 40g, escolha as cores de sua preferência, em recipientes, um para cada cor que escolher, esquente aproximadamente 700ml a 1lt de água, depende da arte que irá fazer, coloque o corante em pó, não necessariamente todo o conteúdo do frasco, quanto mais pó colocar na água, mais escura ficará a cor. As partes da roupa que quiser manter em branco, amarre-as com barbante ou elásticos, depois de diluído o corante mergulhe a roupa por inteiro, ou por partes para conseguir um efeito degradé, deixe por 15min, se quiser tons mais claros deixe por menos tempo.Uma outra dica bacana é que pode-se usar o fixa cor por último (opcional). Você pode abusar das cores numa mesma peça, depois tire, torça para tirar o excesso e deixe secar na sombra.

Pronto! Viu como é prático! Faça um teste, tenho certeza de que não se arrependerá e outro ponto positivo é que pode usar a vontade sua roupa, ninguém vai ter uma exatamente igual, sem contar que o Tie-Dye está super em alta em 2013. Use sua criatividade!

Image

Image

Para fazer a imagem 1 vai aqui um vídeo com detalhes de como realizar o processo.